Lembram-se da pequena Bá do blog "Crónicas de uma mãe atrapalhada." Pois,ela cresceu! E agora exigiu que existisse também a sua versão de filha num blog a quatro mãos.

20
Jul 18

 

c

 A miúda está orficamente no 8º ano.

 Tirou boas notas.  Dois cincos (História e Cidadania) , as restantes tudo quatro à exceção de Educação Física em que teve o 3 da praxe e que sabemos que não consegue melhor.  Se consegui ter feito melhor? Talvez.

 Mas eu quero uma filha feliz que brinca, conversa, lê, tem amigos e faz outras coisas sem ser enfiar o seu belo nariz no meio dos livros.  E tendo em conta que há crianças que lutam para não terem de repetir o ano e não o conseguem. Só me posso sentir feliz.

  

Mas se calhar haver um ano que as coisas não corram tão bem, só tenho que saber que ela deu o seu melhor. E como lhe disse uma vez a parte boa de teres uma nota má é que tens oportunidade de a subir trabalha para isso. Por isso àqueles que não conseguiram passar esta etapa, a minha solidariedade e esperança de que encarem o ano que se segue como uma nova oportunidade.

Aos que passaram mais esta etapa. Parabéns  e preparem-se o esforço terá de ser maior,

 

 

 

imagem

via GIPHY

 

Trapalhada feita por Alfa às 14:44

19
Jul 18

 Faz hoje 14 anos. Sim 14 anos que eu soube que tu estavas na minha barriga.

 E soube que a partir desse dia nada seria igual na minha vida!

 Dia 19 de Julho de 2004, o dia em que vi que o teste de gravidez dava positivo, é para mim uma data especial, porque a nossa história de mãe e filha começa aqui.

 

 

Trapalhada feita por Alfa às 14:09

18
Jul 18

baácartazdafloresta.jpg

Babá com 3 anos a proteger a Floresta aojeito de futura Marylin Monroe

 

Eu sei que tu sabes. Eu gosto muito de ti. Estás a ficar uma miúda muito gira. Gostava que fosses só um pouquinho mais vaidosa, mas lá virá o tempo em que me vou queixar disso. Eu sei que sou suspeita para dizer que esse teu palminho de cara está cada vez mais bonito, mas está. Mas este texto não é sobre o teu palminho de cara.

 É sobre a miúda gira que mora em minha casa e eu “mal conheço”. Deixa-me explicar de um ano para outro cresceste tanto em termos de personalidade que me estou a ver um pouco aflita para acompanhar.   

 Diz-me uma coisa miúda o que fizeste á minha filha, aquela miúda regula? Sabes é que não a tenho visto por aí….

 

Em vez disso está aqui a morar uma miúda gira que vou começando a conhecer aos poucos. Fiel aos seus princípios. Protetora do irmão e o meu braço direito, quando o pai não me pode ajudar.

Sabes miúda tenho saudades da miúda reguila no cartaz, que aos seus dois anos encantou a blogosfera com as suas traquinices. Acho mesmo que vou sempre ter saudades dessa miúda, que se encantava com o cartaz dos Olhinhos porque também queria protegera floresta.

  Vou sempre ter saudades da miúda que saía da escola do primeiro ciclo a dizer que a dizer que a escola era aborrecida, porque tinha que ficar caladinha a ouvir a professora. Que saía encantada com as coisas que o professor de Educação Musical lhe ensinava e que achava que a música era uma espécie de magia e acho que isso ainda se mantém.

 

Mas gosto da miúda que começa a ganhar asas para os voos da vida.  A miúda que vai sozinha ao cinema com a amiga e que consegue resolver o problema de terem perdido os bilhetes porque se lembrou de guardar todos os recibos. A que pede autorização aos pais para fazer as coisas, mesmo sabendo que o não só virá se houver um motivo válido para isso.

 

A miúda que fica feliz pelo sucesso dos outros. Que sabe lidar com a frustração, que não alinha com o rebanho só para ser popular. Uma miúda modesta que não gosta que lhe gabem as suas conquistas e que raramente ou nunca se vangloria delas.

 

Gosto da miúda que tem coragem de ser a única numa turma a assumir que não tem vergonha que os pais lhe deem um beijo em público quando a vão buscar à  escola e que fica feliz quando os vê irem às reuniões.

 

Gosto da miúda que chega a casa a contar-me isso orgulhosa e ainda diz:

- Eu sou muito mimada. Eu gosto de ser mimada. Tive uma infância feliz.

 

Vejo uma miúda que como as outras gosta de estar na Internet e falar com as amigas, ver os youtubers da moda, mas que sabe ter as suas próprias ideias e defender o seu ponto de vista.

A miúda que mora aqui agora, ama livros e já conversa com a mãe sobre eles.  Tem um sentido humor muito próprio e que tem projetos para o futuro.

 

Sabes, nestes momentos surpreende-me a cada dia que passa, ainda estou a começar a conhecer esta miúda que mora aqui agora.

Mas sabes uma coisa miúda? Sabes, sabes, sabes?

EU GOSTO MUUUUUUUUUUIIIIIIIIIIIIITO DE TI.

 

 

 

 

Trapalhada feita por Alfa às 17:59
sinto-me: De coração Cheio
música: I will always love youde Whitney Houston

17
Jul 18

Bañera de Baño Infantil Clip art - Baño de bebé @kisspng

 

Chegou a casa, cansadita de se levantar cedo e de ter ido à piscina com o ATL. Depois de me dar um beijo, perguntou-me:

- O mano?

- Está no banho a brincar. Podes ir lá dás-lhe um beijinho e dizes se está tudo bem, que eu já lá fui, mas assim vais tua agora.

Ela foi e após alguns minutos regressou de sorriso satisfeito:

-Já tirei o mano da banheira e vesti-o. Não precisas de te preocupar.

-Obrigada filha!

Ela sorri satisfeita com os eu feito por ter conseguido fazer tudo sozinha e ter corrido bem:

- Eu gosto de ajudar!!!

(Nem sempre…penso eu com os meus botões, mas não lhe disse na altura não ia estragar a mérito da boa ação.)

Trapalhada feita por Alfa às 10:08

16
Jul 18

Adoro esta fotografia, mas sou suspeita, por isso se tivessem que fazer uma legenda a esta fotografia que legenda dariam?

Trapalhada feita por Alfa às 11:54

14
Jul 18


Trapalhada feita por Alfa às 13:33

13
Jul 18

 

Devo ter sido bruxa numa outra encarnação porque além de adorar Bruxinhas (sabem, daquelas muito feias que se vendem nas lojas de artesanato?) adoro Sextas Feiras treze!!!! Não sei explicar, são dias que me trazem excelentes recordações, (exceção feita a 13 de Junho de 1998 o dia em que a minha avó faleceu), mas no geral não são dias vulgares pela positiva. Depois gostos de Sextas e do número 13. Deve mesmo ter sido Bruxa numa outra vida !!!

Mas sexta feira treze faz-nos pensar em superstições. A minha avó era uma pessoa supersticiosa e passou-me algumas superstições Ora aqui ficam algumas das minhas:

: 1- Não passar por baixo de escadas- principalmente porque tenho medo que algo me caia em cima da cabeça.

2- Não sentar numa mesa com treze pessoas- eu sei que eu disse que gostava do número treze, mas esta está associada à última ceia em que alguém de facto acabou por morrer.

3- Não pousar a mala no chão- Principalmente porque me posso esquecer dela ou ficar a jeito de algum ladrão se for fora de casa e em casa posso tropeçar nela.

4- Não cruzar talheres -principalmente porque não gosto do som de metal a raspar em metal

5- Entrar com o pé direito. Não aquece nem arrefece, mas porque não?

6- Bater em madeira três vezes para proteger de alguma desgraça hipotética de que se fale

. 7- Nunca me sento de costas para as portas de um café E esta pessoal e não me perguntem porquê

 

De resto não tenho nada contra gatos pretos isto é se não se atravessarem na frente do meu carro apenas porque não os quero atropelar e os Corvos são uns curtidos o último conheci chamava-se Vicente diza (sim” Dizia!) “Mau Mau” e assobiava se eu passasse de saia. E vocês têm superstições herdadas ou pessoais que queiram partilhar?

 

Imagens retiradas da Internet com link de referência.

Trapalhada feita por Alfa às 11:21

12
Jul 18

É curioso como num tempo em que se fala tanto de Bullying para cá e para lá um post (no meu blog sopa de Letras) de denúncia por Bullying contra autismo na internet não desperte a a atenção de ninguém.  Esperem aí... se eu falar da final do mundial 2018 de certeza já interessa... ou da minha coleção de sapatos... 

É este o triste retrato da nossa sociedade

Trapalhada feita por Alfa às 11:24
sinto-me: desiludida com as pessoas

11
Jul 18

multadas.jpg

 

Apanhei-vos? Não resisti.

Trapalhada feita por Alfa às 20:18
tags:

10
Jul 18

  Mãe- palavra que para os adolescentes é o mesmo que cozinheira, cabelereira/o/Barbeiro, bombeira, psicóloga, professora, enfermeira, empregada de limpeza, farmacêutica , esteticista, médica , curandeira, garçonete et cetera, et cetera, et cetera...

 

Imagem com link de referênciacarregando na imagem direciona-vos para o site de onde foi retirada.

Trapalhada feita por Alfa às 16:43

Julho 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

15
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Trapalhadas Antigas
Trapalhões online
Andaram atrapalhados
contador
mais sobre mim
Procurar trapalhadas
 
links
blogs SAPO