Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas de uma filha Atrapalhada

Lembram-se da pequena Bá do blog "Crónicas de uma mãe atrapalhada." Pois,ela cresceu! E agora exigiu que existisse também a sua versão de filha num blog a quatro mãos.

Crónicas de uma filha Atrapalhada

Lembram-se da pequena Bá do blog "Crónicas de uma mãe atrapalhada." Pois,ela cresceu! E agora exigiu que existisse também a sua versão de filha num blog a quatro mãos.

Furaram as orelhas às vossas bebés?

A Babá conta aqui anterior a sua” aventura” de furar as orelhas.  Ainda pensei em furar-lhe as orelhas quando era bebé, mas não tive coragem e o pai também achava que devia ser escolha dela. Concordei. Afinal também foi uma escolha minha aos quinze anos. Lá convenci a minha mãe e fui a uma ourivesaria, ainda me lembro dos brincos umas pequenas bolinhas de ouro (que eu infelizmente já não possuo) e da pressão da pistola que me deixou as orelhas arder. Desde aí os brincos são a minha peça de adorno preferida.

     Numa das inúmeras visitas ao Centro de saúde por causa da asma dela, passámos à saída numa farmácia onde estavam os brincos borboleta que ela queria, pois foi nessa altura que os viu e eu lhe prometi que quando quisesse furar as orelhas lhos ofereceria. Nunca mais se tocou no assunto. No mês passado tinha voltado a perguntar-me quando é que iria furar as orelhas.

 Então aproveitei o facto de as férias de Páscoa serem pouco depois do aniversário dela. E num desses dias perguntei-lhe se o queria fazer. Ela disse que sim. Na Farmácia ainda hesitou um pouco e disse-lhe que se não quisesse podia desistir. Mas ela encheu- se de coragem e o resto da história ela já contou.

    E vocês mães de meninas furaram as orelhas às vossas bebés? E a vocês deram-lhes liberdade de escolha ?

4 comentários

  • Imagem de perfil

    Alfa 30.04.2018 14:17

    Olá Triptofano, confesso que desconhecia o pormenor sobre o crescimento à volta das orelhas ficar comprometido, mas na altura de furar eu não tive coragem. E foi uma escolha dela e mesmo na farmácia quando ela hesitou, disse-lhe que se quisesse desistir, era um direito dela, Obrigada. Volte sempre,
  • Imagem de perfil

    Triptofano! 30.04.2018 14:22

    Bem, o crescimento à volta da orelha não fica comprometido, o que se passa, é que quando se fura, o brinco fica maravilhosamente centrado, só que o crescimento da orelha depois não é uniforme, não cresce à volta do brinco, a orelha cresce para um dos lados e depois o furo fica descentrado!
    Não sei se me fiz entender :)
  • Imagem de perfil

    Alfa 30.04.2018 19:13

    Obrigada pelo esclarecimento Triptofano, estamos sempre a aprender.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.